15 de Abril de 2024 ACESSIBILIDADE: A+ A-

Notícias

São Julião mobiliza alunos da rede municipal de ensino em combate ao abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes

Neste 18 de maio, Dia Nacional de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes, a Prefeitura de São Julião, na gestão “O povo é o poder” do prefeito Dr. Samuel Alencar, através das Secretarias de Assistência Social e Educação, em parceria com as demais Secretarias, promoveu uma mobilização alusiva à campanha Maio Laranja.

O evento aconteceu na escola Joviano Maximino de Alencar e teve o objetivo de reunir as crianças e os adolescentes de diferentes idades do município para dar-lhes o conhecimento acerca de abusos e explorações sexuais que venham a ocorrer, enfatizando o que deve ser feito em situações como essa.

Na oportunidade houve palestras informativas, dinâmicas, músicas, filme e lanche para todos. Às crianças de idades menores, a equipe do CRAS utilizou de métodos dinâmicos para chamar atenção delas e explicar o procedimento em casos de abusos infantis.

A primeira-dama e secretária de Assistência Assistência, Thaise Fontes destacou o porquê do evento.

“É deixar claro os direitos deles, para terem todas as informações necessárias se caso acontecer, eles terem acesso as pessoas a quem recorrer, saberem o número de telefone para ligar, porque nossas crianças e nossos adolescentes tem direito de ter uma vida plena, a ter uma vida sexual saudável, no momento certo, no tempo certo e sem violência. Então, violência nunca será normal e essa campanha é uma mobilização para que a sociedade saiba que esse é um compromisso coletivo, e tem que dá para essas crianças total segurança”, disse.

A presidente do Conselho Tutelar de São Julião, Fabiana Oliveira, ministrou uma palestra informativa e frisou o dever do órgão pelos direitos das crianças e adolescentes.

“O Conselho Tutelar tem o intuito de zelar e proteger a integridade física e mental das crianças e dos adolescentes. Todos os anos, é feito esse “Dia D” e hoje foi mais um dia alusivo, onde a gente tentou deixar claro para os jovens e adolescentes sobre os direitos deles, qual o local que eles têm que procurar após acontecer um fato como esse, deixando claro qual é nossa função e nossos deveres como conselheiros”, explicou.

A diretora da unidade escolar onde o evento foi realizado, Irene Onézia, falou do sentimento em ver a promoção de conhecimentos aos alunos.

“É gratificante para nossos alunos, para eles terem o conhecimento de como é importante essa campanha, que o dia 18 de maio é o dia Nacional de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual de Cranças e Adolescentes. Estou grata por essa ação está sendo desenvolvida aqui na escola e pela orientação dada a nossos alunos, para se acontecer alguma situação eles terem o conhecimento do que fazer”, externou.

Joselma é assistente social da Secretaria de Saúde e ajudou com as dinâmicas que foram realizadas. Ela o quão é importante orientar os alunos acerca dos crimes.

“É de suma importância esse evento, conscientizar os familiares e as crianças, por isso que nós reunimos todos aqui nesse momento, para repassar o conhecimento, orientar as crianças e os adolescentes, para os pais terem os cuidados com elas, observar os comportamentos, se houver sinais de violência, a família juntamente com a escola se unir para ajudar”, disse.

Além das presenças citadas, prestigiaram o evento a secretária de Educação, Valdinara; secretária de Saúde, Ceicinha; funcionários das demais Secretarias; equipe do CRAS; adolescentes do NUCA; gestores, coordenadores e toda equipe escolar da unidade.

PUBLICIDADE

 

Mais imagens;